Norway pharmacy online: Kjøp av viagra uten resept i Norge på nett.

Jeg har selv prøvd dette kamagra Det er billig og fungerer egentlig, jeg likte det) kjøp propecia Ikke prøvd, men du kan eksperimentere med... Hvordan føler du deg, følsomhet etter konsumere piller?.

Microsoft word - aldara bizarro.doc

A JANGADA de PEDRA
Aldara Bizarro
Resumo de comunicação para painel da Conferencia Nacional de Educação A Jangada de Pedra é uma estrutura de criação, produção e divulgação de dança contemporânea criada em 1999 e financiada pelo Ministério da Cultura/Direcção-Geral das Artes. A acção da Jangada assenta no trabalho dos coreógrafos/fundadores desta estrutura - Aldara Bizarro, Rui Nunes, e também Filipa Francisco que passou a integrar a estrutura em 2002 -, que se têm dedicado à criação de projectos artísticos situados na intersecção da dança contemporânea com outras artes, procurando assim estender as fronteiras desta disciplina, propondo criações e eventos que preencham lacunas no meio da dança e arte contemporâneas nacionais. A Jangada de Pedra é também a entidade organizadora de um evento bienal, o Festival W.A.Y., que teve a sua primeira edição em 2000, que visa a apresentação de criadores nacionais e estrangeiros, através da produção de trabalhos de pequena dimensão apresentados em locais alternativos aos grande festivais e espaços convencionais de apresentação de dança. O Festival W.A.Y. encontra-se actualmente em reformulação, alinhando desta forma com a estratégia global da Jangada, pretendendo direccionar-se para um público mais alargado, que não apenas o meio artístico, através de uma programação voltada para a comunidade onde está sedeado o trabalho desta Os aspectos pedagógicos e socais dos projectos desenvolvidos na Jangada de Pedra, sobretudo nos trabalhos das coreógrafas Aldara Bizarro e Filipa Francisco, têm sido uma marca d’água da acção desta estrutura. Filipa Francisco tem trabalhado de forma continuada em Estabelecimentos Prisionais e Bairros Sociais, enquanto Aldara Bizarro tem dirigido as suas criações para o Rua Marquês de Pombal, 287 - 1º, sala I Telefone – +351 21 4577134 E mail – geral@jangada.pt público jovem através de uma série de acções de formação para várias faixas etárias. Neste sentido, a Jangada tem estabelecido uma rede de parcerias como sejam o Centro de Pedagogia e Animação do Centro Cultural de Belém, o Serviço de Música da Fundação Calouste Gulbenkian, o serviço cultural e educativo do Centro Cultural de Cascais, o serviço educativo do Teatro do Viriato e também uma série de museus, bibliotecas e câmaras municipais. São precisamente a formação de novos públicos e a educação artística as apostas do trabalho em desenvolvimento da Jangada de Pedra, consciente de que estes aspectos são pilares de desenvolvimento das sociedades contemporâneas ao promover competências criativas essenciais para o aprofundamento das capacidades e inteligência dos indivíduos. A Jangada de Pedra actualmente aposta em dois projectos que visam a prossecução destes objectivos, são eles: “Uma Bailarina na Escola” e o O projecto “Uma Bailarina na Escola” nasceu do desejo de aproximação ao público mais jovem sem no entanto passar pelo enquadramento do serviço educativo, procurando desta forma uma relação mais directa e livre ao apresentar uma criação que se destina a circular nas escolas. Com este projecto a Jangada pretende alargar o seu público indo ao encontro de todas as crianças e não apenas aquelas que frequentam os serviços educativos apresentando um espectáculo que se substitui a uma aula podendo assim chegar a crianças sem hábitos ou consumos culturais. “Uma Bailarina na Escola” leva à sala de aulas todos o ingredientes de um espectáculo de dança onde o público não é apenas espectador mas participante. O espectáculo substitui uma aula de duas horas, no lugar do professor uma bailarina que lança a todos uma pergunta: “Qual a parte do corpo que gostas mais?” abrindo desta forma o diálogo sobre o corpo com os alunos, onde através do movimento bailarina e alunos executam a ‘dança dos músculos’ e reflectem sobre a natureza e o pensamento do corpo. Também se pretende pensar sobre a herança genética e a influência da cultura no corpo, para tal a bailarina partilha com a sua audiência o seu passado e a origem familiar. O espectáculo termina com uma série de tarefas que os alunos executam em conjunto Rua Marquês de Pombal, 287 - 1º, sala I Telefone – +351 21 4577134 E mail – geral@jangada.pt seguindo-se de uma conversa informal onde se pretende que os alunos reflictam sobre o espectáculo incutindo assim nas crianças noções de interpretação do que acabaram de ver e participar. É ainda distribuído um suporte didáctico do espectáculo, um conjunto de propostas a serem desenvolvidas na sala de aula com a ajuda do professor. Na continuidade deste trabalho e alargando os objectivos a que a Jangada se propôs nasce o “Projecto Respira”, onde se pretende aliar a formação à criação pondo desta feita a ênfase do lado das crianças e jovens, tornando-os co- autores do projecto. Ao mesmo tempo pretende-se que a instituição escola (educadores, funcionários, pais e alunos) seja mais que um mero espaço de acolhimento do projecto mas seja parceiro ao integrar de forma orgânica este projecto no horário e metodologias escolares. O “Projecto Respira” trata-se da criação de um espectáculo de dança que é concebido e executado pelos alunos do 6º anos de escolas do 2º ciclo e pelos artistas convidados pelos responsáveis deste projecto. A ideia é criar uma peça sobre o corpo, onde uma turma de cada uma das escola onde o projecto vai decorrer é responsável por uma parte do espectáculo – a dança, o vídeo ou a concepção plástica -, que irá executar em articulação com os profissionais ao serviço deste projecto. Em cada escola são realizadas uma série de oficinas com vista à realização do espectáculo promovendo entre os alunos o trabalho em colectivo, e consequentemente a valorização pessoal e social dos alunos, a ampliação da consciência do indivíduo, do grupo e da relação com o(s) outro(s), fomentando a partilha, a reciprocidade e a responsabilidade mútua. Ao mesmo tempo, fomentando a criação promove-se a compreensão e expressão da realidade assim como a valorização de modos de ver, sentir e pensar particulares. Este projecto visa também o enriquecimento da comunicação entre alunos e seus familiares, professores e amigos uma vez que através da expressão artística e do uso de linguagens diferentes das habituais, os alunos dão-se a conhecer de uma forma livre e aberta. Em suma, este projecto promove a criatividade nos adolescentes ao mesmo tempo que lhes dá ferramentas para terem um olhar sobre a dança e outras áreas da criação como sejam o vídeo e as artes Rua Marquês de Pombal, 287 - 1º, sala I Telefone – +351 21 4577134 E mail – geral@jangada.pt Estes projectos são encarados pela Jangada de Pedra como processos de enriquecimento da estrutura, uma vez que ao contribuir para a formação de públicos cada vez mais informados e conscientes, se elevam os padrões de qualidade do trabalho que se desenvolve. Este processo simbiótico para artistas e público é ao mesmo tempo um meio e um fim na missão da Jangada. Rua Marquês de Pombal, 287 - 1º, sala I Telefone – +351 21 4577134 E mail – geral@jangada.pt

Source: http://www.educacao-artistica.gov.pt/interven%C3%A7%C3%B5es/Aldara%20Bizarro.pdf

clatterbridgecc.nhs.uk

Controlling nausea and vomiting: anti emetic therapy advice A guide for patients and carers Treatments that may cause nausea and vomiting . 2Physical reasons that may cause nausea and vomiting . 2Things you might like to do for yourself . 5 This information leaflet is about ways to help prevent or reduce nausea (feeling sick) and vomiting (being sick), which can sometimes

Microsoft word - 276.doc

HISPANISTA - Vol X nº 36 - enero – febrero – marzo de 2009 Revista electrónica de los Hispanistas de Brasil - Fundada en abril de 2000 ISSN 1676-9058 ( español) ISSN 1676-904X (portugués) LOS ELEMENTOS DE LA TRAGEDIA GRIEGA EN BODAS DE SANGRE DE Federico García Lorca (1898 – 1936), miembro de la Generación del 27 y uno de los artistas más consagrados en la historia de la cultur

Copyright © 2010-2014 Drug Shortages pdf